6 Dicas Fáceis Para Organizar Guarda-Roupa Infantil

Um guarda-roupa infantil bem organizado é essencial para um dia a dia mais tranquilo. Manter a ordem do guarda-roupa vai poupar muito stress na hora de vestir as crianças para a escolinha – e também vai ajudar a não perder nem uma roupa. Vestir os pequenos durante a manhã vai ser tão fácil quanto piscar os olhos. Pense em como será fácil navegar pelo montes de roupa quando você souber exatamente onde está cada item. Você deixa os agasalhos, bermudas, meias e a camisa favorita do seu filho sempre à mão.

Além de um armário bem organizado, a parte mais importante é ter um bom guarda-roupa disponível para ser usado. Se você está em busca de um guarda-roupa perfeito para suas crianças, não deixe de conferir nosso site! No artigo de hoje, consultamos os melhores especialistas em arrumação para te apresentar 6 dicas infalíveis na hora de arrumar o armário dos pequenos. Se você quer saber como arrumar um guarda-roupa infantil, continue lendo!

 

 

Etiquetas de cabide infantil
Estas etiquetas para cabide são super fáceis de fazer!

1. Poupe tempo na organização

Para vestir seu filho pela manhã sem muitas crises, deixe tudo organizado para ter mais acessibilidade. Os especialistas recomendam que, na tarde de domingo, você sente junto ao seu filho para separar todas as roupas da semana. Com todos os visuais separados, você pode deixar a roupinha de cada dia da semana já pronta e separada. Deixe-as em uma gaveta, use caixas organizadoras ou até um saco zip lock de tamanho grande. Então, basta etiquetar cada roupa com o dia da semana correspondente.

Fazer essa atividade com seu filho é muito bom por dois motivos. Primeiramente, a inclusão dos pequenos nas tarefas domésticas é muito importante para introduzir a noção de responsabilidade, e para que eles se sintam importantes e ouvidos. Em segundo lugar, quando você deixa as roupas previamente organizadas, eles mesmos podem se vestir sozinhos, estimulando a coordenação motora das crianças.

 

 

2. Confira os essenciais

Para um guarda-roupa infantil funcional e bem organizado, são necessários alguns itens específicos. Por exemplo, é importante ter cabides infantis para pendurar as roupas – os cabides de tamanho normal não funcionam adequadamente. Divisórias de prateleira e divisórias de gaveta também são essenciais, pois facilitam a divisão das roupas e ajudam seu filho a desbravar o guarda-roupa sozinho. Acima de um armário organizado para os pais, é necessário que ele seja planejado e inclusivo para crianças.

Dessa forma, elas já vão ganhando noção de responsabilidade, organização e coordenação. Caixas organizadoras, assim como as divisórias, também são muito úteis. Todos estes itens facilitam o acesso da criança às suas próprias roupas, e incentivam-nas a guardá-las de maneira correta depois de usar.

 

 

 

Criança arrumando o guarda-roupa
Confie na capacidade de seu filho! Ele vai fazer alguma bagunça no começo, mas com o tempo ganhará habilidades fantásticas

3. Ajuste a altura

As roupas e sapatos devem estar em uma altura adequada para que a criança possa alcança-los. Pare a criança em frente ao guarda-roupa e veja até onde ela consegue alcançar. Trace uma linha horizontal imaginária para te ajudar a organizar a partir daí. Onde a criança alcança, deixe todas as roupas, cuecas, meias, sapatos e todos os outros acessórios.

Acima disso, você pode deixar itens menos importantes, como mochilas, agasalhos pesados para o clima frio, roupas de cama e muitos outros. Além de uma altura adequada, é importante que as gavetas sejam fáceis de puxar e manusear.

 

 

 

4. Evite brigas entre irmãos

Se você usa o mesmo guarda-roupa para duas ou mais crianças, é importante ter isso em mente na hora de organizar. Ainda que elas dividam roupas entre si, é crucial ter uma divisão entre as roupas de uma criança, e as roupas de outra. Esta divisão é outro ponto que faz as crianças se sentirem ouvidas e importantes. Além disso, também reforça o senso individual: eu sou eu, e o outro é o outro. Pode parecer algo básico para nós, adultos; mas, para as crianças, é crucial esta fase de entender e aceitar que somos indivíduos únicos e singulares.

 

 

 

Guarda-roupa infantil decorado
Às vezes, algo simples como um papel contact estampado pode arrancar diversos sorrisos de seu pequeno.

5. Deixe espaço para os brinquedos

Ainda que as crianças não brinquem mais com eles, certos brinquedos ainda são importantes para elas. Sendo assim, deixe um espaço reservado para os ursinhos de pelúcia, bonecos e outros brinquedos especiais. O guarda-roupa deve ser funcional para você, papai ou mamãe, mas acima de tudo, ele ainda é um guarda-roupa infantil. Por isso, deve ser pensado, organizado e decorado pensando diretamente na criança em questão.

6. Não esqueça a decoração

Como dito anteriormente, este é um guarda-roupa infantil! Então, não esqueça de adicionar decorações divertidas para estimular a criatividade de seu filho. Esta é outra atividade que pode ser feita em conjunto com a criança: deixe-a opinar sobre o que ela gosta e não gosta. Acima de tudo, respeite os gostos e a individualidade de seu filho – por mais estranho que possa parecer para você. Considere pintar ou então encapar as portas com um papel contact da cor favorita da criança. Grude pôsteres e cartazes dos filmes e desenhos favoritos dela. Não deixe de grudar também os desenhos que ela faz: este tipo de reforço positivo é muito importante

Deixe um comentário